Blog

ISO 39001: Tudo o que você precisa saber sobre esta norma

Você conhece a ISO 39001? Apesar de traduzida para o português em 2015, até agora pouquíssimas empresas tiraram essa certificação importantíssima para a segurança do trânsito. Se você nunca ouviu falar sobre essa norma ou tem dúvidas, leia este artigo até o final e veja tudo o que você precisa saber sobre a ISO 39001.


As estatísticas marcam a triste realidade do trânsito brasileiro. Segundo dados do Conselho Federal de Medicina divulgados em Maio deste ano, a cada uma hora cerca de cinco pessoas morrem em acidentes rodoviários no Brasil. Nos últimos dez anos o País registou mais de 1,6 milhão de pessoas feridas no trânsito. Neste contexto de números alarmantes, empresas do ramo de transportes têm um papel decisivo na segurança viária, tornando-se imprescindível ações preventivas, como a ISO 39001. Mas além de trazer benefícios em segurança, a ISO 39001 traz diversas vantagens para as empresas certificadas, principalmente financeiras, como veremos adiante.

O que é a ISO 39001

A ISO 39001 é uma norma internacional, criada em 2012 e traduzida em 2015 para o português, que estabelece critérios para implementação de Sistemas de Gestão da Segurança Viária. Tem por objetivo reduzir e eliminar mortes e acidentes com lesões graves no trânsito a nível urbano, intermunicipal e interestadual, tanto para transporte de cargas quanto passageiros. A norma é para qualquer empresa que utilize as vias como operação para seu negócio.

Segundo o consultor Cleverson Forato, da I9 Gestão Consultoria e Treinamento, a ISO 39001 é formatada sob cinco pilares que a empresa que busca certificação precisa implementar.

Os 5 pilares da ISO 39001

1. Gestão do sistema e contexto organizacional

A primeira etapa consiste em uma análise da atual situação da empresa com relação a segurança viária, onde é feita uma matriz SWOT identificando forças, fraquezas, ameaças e oportunidades. Após entender a realidade atual, são traçados objetivos e metas, e definidos indicadores de desempenho.

2. Preparação e respostas a emergências

As empresas que buscam certificação da ISO39001 precisam ter um plano de ação bem definido para o caso de acidentes. “Todos os funcionários devem saber como agir em tais casos, quem alertar, onde buscar assistência médica, como comunicar a organização sobre o acidente, entre outros. Além disso, é preciso ter bem definido como a empresa se comunica adequadamente com os familiares do acidentado. Tudo visando minimizar ao máximo os impactos negativos do acidente”, explica Forato.

 3. Veículos e tecnologia embarcada

Aqui são analisadas ações que podem ser adotadas para reduzir o risco de acidentes causados pelos veículos. Neste cenário, a tecnologia embarcada é fundamental, pois pode transmitir em tempo real as condições do veículo, como pressão dos pneus, necessidade de manutenção preventiva, entre outros. A Effortech conta com uma linha completa de produtos que podem auxiliar na gestão da sua frota.

4. Interação com as vias

Outro fator de risco são as vias utilizadas pelos motoristas. Por isso é importante que a empresa mapeie e defina as rotas focando na segurança. Outro ponto é criar mecanismos de informar ao motorista quando ele estiver entrando em uma via crítica, com alto número de acidentes. Desta forma, ele pode redobrar a atenção e reduzir a velocidade, por exemplo.

5. Fatores humanos ligados a segurança viária

Treinamento e conscientização do motorista são o ponto-chave deste pilar. É preciso que todos os motoristas estejam conscientes da importância de dirigir defensivamente a fim de evitar acidentes e, como já mencionado, saiba como agir, caso ocorra.

Benefícios da ISO39001

Os benefícios da certificação ISO39001 para as transportadoras são inúmeros. A SVD Transportes Rodoviários, por exemplo, conseguiu reduzir em 90% o número de acidentes de trânsito. Já a Jaloto Transportes reduziu em 83% o número de multas e economizou em um ano 6% do custo operacional, com economia em diesel, pneu, sistema de frenagem e manutenção do veículo.

Além disso, o consultor Cleverson Forato destaca alguns benefícios intangíveis, como a credibilidade. “Ao conseguir antecipar situações risco, a transportadora gera mais credibilidade para seus clientes e consegue até barganhar melhores preços com a seguradora, sem contar a maior confiança por parte de seus funcionários”, afirma.

Como implantar a ISO 39001

A certificação é conferida pelo TECPAR (Instituto de Tecnologia do Paraná) e o processo de implantação pode levar de quatro a 12 meses. Empresas com certificação ISO 9001 e SASSMAQ já possuem requisitos paralelamente atendidos e podem ter maior facilidade na implantação.

Cleverson explica que é possível as empresas tirarem a certificação por conta, mas alerta: o tempo pode ser bem superior. “Além de já dominar o tema internacionalmente e os procedimentos, nós aplicamos treinamentos à equipe que aceleram o processo”, explica o consultor da I9 Consultoria.

Para saber mais sobre o assunto, o site do Programa Volvo de Segurança no Trânsito (PVST), que foi também o primeiro a disseminar a norma no País, disponibiliza o Manual de Implantação da norma e um simulador, onde é possível avaliar o grau de atendimento aos requisitos da ISO 39001.